Sinopse

 

Categorias: Longa-metragem / Sonoro / Ficção


Material original: 35mm, COR, 97min, 2.660m, 24q, Eastmancolor

Data e local de produção
Ano: 1972
País: BR
Cidade: Rio de Janeiro
Estado: GB

Data e local de lançamento
Data: 1972.02.26
Local: Rio de Janeiro

Circuito exibidor: Exibido no Rio de Janeiro a 29.02.1972 em circuito.

 

Sinopse: "Ali Babá não quer saber de trabalhar e vive de sombra e água fresca, filando refeições na casa do irmão, Cassim, até o dia em que a mulher deste, Fátima, decide barrá-lo. Ali cultiva o amor de Rosinha, uma jovem que ficou paralítica após um acidente de circo. Um dia, procurando achar o amigo Tavinho, Ali Babá descobre mercadorias (uísque, cigarro importado, televisores, dinheiro falso, etc) escondidas por um bando de 40 contrabandistas. Ali Babá sente que chegou a sua hora de viver bem à custa de sua descoberta, que lhe dará a chance de obter o dinheiro para a operação de Rosinha. Após muitas perseguições, em que os 40 ladrões partem atrás de Ali, este leva a melhor, conseguindo resolver os seus problemas e dar felicidade a Rosinha e a Malaquias, seu burro de estimação". (Guia de Filmes, 37)

"Tendo horror ao trabalho, um rapaz chamado Ali Babá vive de sombra e água fresca , sempre em companhia de seu burro, Malaquias. Uma coisa ele sabe fazer com regularidade: filar a bóia na casa de seu irmão, Cassim. Mas isso só até o dia em que a cunhada, Fátima, resolve barrá-lo sumariamente. Ali Babá resigna-se então a cultivar o amor de Rosinha, uma jovem paralítica por causa de uma acidente de circo. Um dia, à procura de seu amigo Tavinho, Alí Babá descobre um depósito de uísque, cigarros, televisores, dinheiro falso, etc., mercadoria que 40 contrabandistas mantinham em lugar bem escondido. O descobridor da 'mina' sente que é chegada a sua hora de vacas gordas, e que cedo terá em mão o dinheiro suficiente para custear a operação de Rosinha. Mas os contrabandistas não pensam assim. Partem em perseguição a Ali Babá que aos trancos e barrancos consegue levar a melhor . Afinal, seus problemas todos são resolvidos e a felicidade chega para ele, Rosinha e o burro Malaquias". (Brasil Cinema, 1972)

 

Gênero: Comédia

Termos descritores: Literatura

 

Produção
Companhia(s) produtora(s): J. B. Produções Cinematográficas
Produção: Barbosa, Jarbas
Direção de produção: Cristiano, Antônio
Produção executiva: Ribeiro, Roberto

Produção - Dados adicionais
Gerente de produção: Cristiano, Antônio

Distribuição
Companhia(s) distribuidora(s): Ipanema Filmes

Argumento/roteiro
Argumento: Lima, Victor
Roteiro: Lima, Victor

Estória: Baseada no conto 
Direção
Direção: Lima, Victor
Assistência de direção: Tavares, Neyla

Fotografia
Direção de fotografia: Gonçalves, Antônio

Som
Direção de som: Dantas, Nelson

Montagem: Lima, Victor

Direção de arte
Cenografia: Lima, Victor

Música
Música (Genérico): Dizner, Sérgio; Carias, Paulo

Identidades/elenco: 
Aragão, Renato (Ali Babá)
Santana, Dedé (Cassim)
Castro, Elza (Morgana)
Tavares, Neyla (Rosinha)
Delfino, Luiz (Ezequiel)
Fernandes, Elisa (Fátima)
Teller, Teresa (Sônia)
Cunha, Sérgio (Tavinho)
Drable, Kleber (Baltazar)
Silva, Francisco (delegado)
Grey, Wilson (Chico)
Antonio, Ângelo (Ziel)
José, Fernando (padre)
Rauen, Nelson (Beto)
Mariscot, Mariel (Bianco)
Viking (Hércules)
Zequinha (anão)
Quinzinho (anão)

Conteúdo examinado: N
Fontes utilizadas: 
Guia de Filmes, 37
Brasil Cinema, 1972
FL/CCT

 

Fontes consultadas: 
ACPJ/II
ALSN/DFB-LM
Observações: 
Guia de Filmes 37 indica a censura livre.
ACPJ/II aponta o produtor Eboli, Osvaldo; sonografia de Ribeiro, Nelson e Cabo Frio e Nova Iguaçu como as locações das filmagem.

http://www.ostrapalhoes.net/filmografia/anos-70/a1977-deu-a-louca-nas-mulheres/fotos/

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!